A ECOS nasce da partilha dos seus fundadores de uma visão de um mundo mais integrado, solidário, democrático, justo e sustentável, inspirado na sua diversidade e constituído por uma cidadania global apoiada num modelo de desenvolvimento inclusivo e sustentável.

Apresenta-se como uma iniciativa de educadores e empreendedores sociais, que acreditam poder contribuir através da sua actividade, para um novo paradigma de desenvolvimento, baseado no diálogo, na cooperação e na construção de vínculos de confiança entre actores sociais, empresariais e institucionais.

Somos uma equipa multidisciplinar em que os seus cooperantes têm vindo a tornar-se atores de referência a nível nacional e Europeu no desenvolvimento de actividades visando o envolvimento e a participação dos jovens nas estruturas de poder local (autarquias), promovendo e valorizando a educação não formal enquanto metodologia de desenvolvimento humano e transformação social.

Os cooperantes da ECOS têm acumulado uma experiência significativa em processos de consulta à juventude realizados em diversos âmbitos e para diversas instituições ( Agência Nacional do Programa Juventude em Acção, Secretaria de Estado da Juventude e Desporto, Conselho Nacional de Juventude, Fórum Europeu de Juventude, Comissão Europeia, Conselho da Europa, Centro Norte Sul do Conselho da Europa, entre outras) de renome e reconhecimento Nacional e Internacional.

Os elos que unem os cooperantes da ECOS foram forjados pelas experiências vividas no Associativismo Juvenil a nível local, nacional e internacional, nas áreas da educação não formal e da participação e pelo trabalho de transformação social.

Neste contexto, a ECOS visa ser um agente catalisador de aprendizagens, espaços de diálogo e de cooperação na busca de uma participação conjunta no desenvolvimento mais inclusivo, democrático, justo e sustentável das nossas comunidades.